29
ago

O evento que definiu a vida judaica na modernidade

No dia 29 de Agosto de 1897, uma multidão de judeus se reunia na Basiléia, Suiça.   A ansiedade era certamente palpável no grande salão. Os delegados observavam o interior do Stadtcasino Basel, decorado com bandeiras com a Estrela de David. De acordo com as regras, todos deveriam usar trajes de gala e seguir à risca o protocolo cerimonial. Não foi somente por uma questão de elitismo ou puramente estética. Era importante para os organizadores mostrarem ao mundo que ali não estavam os judeus que povoaram por centenas de anos o imaginário popular da Europa. Os judeus do Leste Europeu, devido ao...
Ler Mais
21
jun

Rússia, 1882, Hebron, 1929 e Jerusalém, 1967

Existe uma sutileza no ofício do historiador que não aparece nos livros, não é ensinada em matérias obrigatórias e não se fala abertamente. É o uso de uma técnica antiga, já descrita por Cícero em De Oratore e no Institutio Oratoria de Quintiliano: o uso de loci (locais, em latim), ou também conhecido como “palácio da mente”. Basicamente, imagina-se um espaço – uma sala ou uma rua – e nele se colocam memórias importantes, como se fosse uma decoração do ambiente. Ao se imaginar o lugar, o posicionamento dos objetos ajuda a memorizar eventos, dados, datas e personagens. Em 1882,...
Ler Mais
08
jun

Até os cães na rua latem em hebraico

Sou um oleh chadash. Metade das minhas perguntas são respondidas em inglês, metade das minhas respostas são retrucadas com “lo evanti”. Talvez eu fique menos incomodado que muitos conhecidos meus, pois a cada resposta fico alguns minutos pensando como é incrível que alguém possa me responder em hebraico. Nos meus primeiros anos de estudo na faculdade de História, aprendi que o que conhecemos como nacionalismo moderno tem alguns parâmetros mínimos comuns para sua realização: uma língua comum, um território definido e vontade coletiva de auto-determinação. Não é a toa que Theodor Herzl já se preocupava com a língua do futuro...
Ler Mais
23
maio

Milagres e mais milagres (parte III) – 50 anos da reunificação de Yerushalaim

Há três anos, em Yom Yerushalaim, eu participei de um passeio em Jerusalém com um rabino que na época da guerra era um dos paraquedistas que liberaram a cidade velha de Jerusalém. Fizemos o percurso de sua tropa com descrições do ocorrido em cada lugar. Poucos prestam atenção nisso, mas apesar da Guerra dos Seis Dias ter sido a guerra com melhores resultados na história de Israel, proporcionalmente para os paraquedistas foi uma guerra com custos bem altos. Conseguiram conquistar todos os marcos predeterminados para eles, mas com muitíssimas perdas, foram 97 mortos e mais de uma centena de feridos...
Ler Mais
18
maio

Que país é esse?

Existe um lugar em que a corrupção não é endêmica, cultural e tolerável. Existe um lugar onde políticos corruptos de qualquer envergadura vão para a cadeia e de lá não saem. Existe um lugar onde onde os valores postos em prática são os de aperfeiçoamento constante de todos e para todos. Um lugar onde os heróis são cientistas, soldados e professores. E não os jogadores de futebol, dançarinas e políticos. Um lugar onde seus filhos tem educação e saúde dignas. Onde seus filhos podem andar sozinhos pelas ruas a qualquer hora. Um lugar onde a vida humana tem muito valor....
Ler Mais

You are donating to :

How much would you like to donate?
$10 $20 $30
Would you like to make regular donations? I would like to make donation(s)
How many times would you like this to recur? (including this payment) *
Name *
Last Name *
Email *
Phone
Address
Additional Note
Loading...